Maca Peruana: conheça TODOS os benefícios para mulheres e homens!

Olá,  tudo bem?

Eu sou o doutor Oliver, médico ortopedista, e estou de volta para compartilhar mais conhecimento sobre remédios naturais e fitoterápicos.

No artigo de hoje, vamos falar sobre a Maca Peruana, uma raiz que tem ganhado destaque por suas propriedades medicinais e energéticas.

Então, se acomoda aí e vamos aprender juntos!

Eu confesso que não conhecia a maca peruana até pouco tempo atrás, mas fiquei bem intrigado nos seus efeitos, tanto para homens quanto mulheres.

Aí eu vi vários vídeos de outras pessoas e confesso que fiquei mais intrigado ainda, porque tinham vários conceitos diferentes, e contraditórios.

Então, eu levantei informações importantes sobre o uso da Maca Peruana em artigos científicos (que coloquei alguns aqui no final desse artigo) e no final eu coloco minha opinião, porque para ser honesto, ainda é um assunto controverso.

Fica comigo nesse artigo que eu está bem interessante e pode te ajudar bastante. Aliás, se você prefere na forma de vídeo esse texto é adaptado de um vídeo que publiquei no meu canal do YouTube.

Então vamos lá?

O que é a Maca Peruana

A Maca Peruana é uma raiz originária do Peru, da família do rabanete, conhecida cientificamente como Lepidium meyenii.

Também já foi chamada como Viagra dos Incas ou Ginseng dos Andes.

Ela cresce principalmente nos Andes peruanos e é usada há séculos pelos nativos da região pelas suas propriedades medicinais e energéticas.

Quais são os benefícios da Maca Peruana?

A Maca Peruana assim como maiorias das plantas, é rica em vitaminas, minerais, carboidratos, aminoácidos e possuem também fitoquímicos que ajudam a melhorar a energia, a resistência física, o equilíbrio hormonal e a fertilidade.

Além disso, ela também tem propriedades afrodisíacas e pode ajudar a melhorar a função sexual, tanto em homens quanto em mulheres.

Alguns estudos sugerem que pode melhorar os sintomas da menopausa.

Mas como a Maca Peruana age no organismo?

A maca peruana contém vários alcaloides, incluindo macamidas e macaenos. Esses compostos são considerados os principais responsáveis pelos efeitos benéficos da maca peruana, incluindo melhorias na função sexual, energia e disposição.

A maca peruana tem saponinas que são substâncias que têm uma estrutura parecida com colesterol e podem ajudar a reduzir o colesterol ruim (LDL) no corpo.

A maca peruana também contém polifenóis e glucosinolatos, que são outras substâncias com propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias.

Esses compostos podem ajudar a reduzir o risco de doenças crônicas, como doenças cardíacas e câncer, mas tem pouco estudos para o uso na dor.

Conforme um estudo realizado em animais, foi encontrado que Maca Peruana atua no organismo estimulando o LH e o FSH a regular o sistema endócrino e a produção de hormônios, o que pode melhorar a saúde reprodutiva e sexual, além de aumentar a energia e a resistência física.

Mas calma ai!

Outros estudos que mediram os níveis de testosterona e estrogênio em homens e mulheres, após usar a maca peruana, mostraram que o aumento não foi significativo.

Mas os efeitos psicológicos sim, foram melhores que o placebo, tanto no aumento da libido em homens e mulheres, quanto melhoraram os sintomas da menopausa.

Outros estudos, tem mostrado que a maca peruana auxilia em atividades de resistência, melhorando a capacidade aeróbica.

Uma coisa importante em falar, esses efeitos todos aparecem após algumas semanas, não funciona igual um remédio de farmácia, que você toma e percebe o efeito a hora.

A Maca Peruana ajuda a emagrecer?

A maca peruana por si só não é suficiente na perda de peso, mas como pode melhorar a disposição e resistência física, ela pode ajudar o treino e com isso a perda de peso, mas se não sair do sofá, ela não vai fazer milagre.

Quais os possíveis efeitos colaterais e riscos da Maca Peruana?

A Maca Peruana nada mais é que um alimento, é geralmente considerada segura, mas algumas pessoas podem apresentar efeitos colaterais leves, como desconforto abdominal, diarreia e insônia.

Mas, esses efeitos são raros e geralmente desaparecem quando a pessoa para de tomar a Maca Peruana ou ajusta a dosagem.

Como utilizar a Maca Peruana como remédio fitoterápico?

A Maca Peruana pode ser consumida em forma de pó, cápsulas ou extrato.

Para usar o pó, você pode misturar uma colher de chá que dá aproximadamente 3 a 5g, em um copo de água, suco ou outra bebida, uma ou duas vezes ao dia. Ou ainda pode misturar nas refeições.

No caso das cápsulas, que são geralmente de 500mg, geralmente se indica 6 cápsulas por dia, que dá 3g.

Mais uma vez reforço, os efeitos não são imediatos, precisa tomar por algumas semanas para começar a sentir os benefícios.

Eu gostaria de lembrar que é fundamental adquirir a Maca Peruana de fornecedores confiáveis porque como é vendido em pó, não dá para ter certeza até que ponto não misturaram com outras coisas inclusive corantes, assim como na cúrcuma.

Agora, vem a parte que eu acho mais interessante do vídeo, discutir um pouco sobre a eficácia e o que tem de evidência científica atual em relação à Maca Peruana.

Mas antes, se você se interessa por conteúdos de saúde, gostaria de convidar para se inscrever no meu canal do YouTube e compartilhar com outras pessoas que possam se interessar por esse artigo.

Então, continuando, a Maca Peruana tem sido estudada e utilizada há séculos pelos nativos da região andina do Peru.

Algumas pesquisas científicas têm mostrado que ela pode ser eficaz na melhora da disposição, resistência física, função sexual e equilíbrio hormonal.

Tem bastante estudo mostrando esses efeitos, sim! Mas a maioria deles, foram feitos em laboratórios, testados em animais ou em pequenos grupos de pessoas. Ou seja, o nível de evidência científico é mais baixo.

Algumas das revisões sistemáticas que eu coloquei aqui na bibliografia, mostram que ela tem pouco efeito hormonal, mas tem um bom efeito na melhora da disposição, libido, menopausa e exercícios de resistência. Mas ainda precisam de mais estudos para comprovar sua eficácia.

Na verdade, existem três tipos de planta, a com raiz amarela, a vermelha e a preta, e acredita-se que cada uma tem efeitos um pouco diferentes, também existe diferença na absorção entre a apresentação e forma de preparo, assim, esses são fatores que limitam os resultados dos trabalhos.

Sendo assim, como a maca peruana é um alimento, uma raiz da família do rabanete, onde o risco para a saúde é muito baixo, eu acho que é uma opção válida para melhora da libido e dos sintomas da menopausa.

Mas é importante deixar claro, que se você tem alguma doença que está levando a esses sintomas, ela não vai fazer milagre. Além disso, os efeitos demoram um pouco para aparecer e podem mudar de pessoa para a pessoa.

Espero que tenha ajudado a entender mais sobre a Maca Peruana e tenha gostado do conteúdo.

E se você ainda não é inscrito no canal, aproveite para se inscrever e ficar por dentro de novos vídeos sobre remédios naturais, fitoterápicos e temas relacionados à saúde.

Um grande abraço e até o próximo!

Artigos:

https://pubs.rsc.org/en/content/articlehtml/2020/fo/c9fo02732g

https://www.sciencedirect.com/science/article/abs/pii/S0308814619303942

https://onlinelibrary.wiley.com/doi/abs/10.1046/j.1439-0272.2002.00519.x

https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/B9780128054130000107

https://journals.lww.com/menopausejournal/Abstract/2008/15060/Beneficial_effects_of_Lepidium_meyenii__Maca__on.24.aspx

https://www.sciencedirect.com/science/article/abs/pii/S0378874113008635