Diclofenaco – Para que serve?

O diclofenaco serve para diversos tipos de dores e quadros inflamatórios, de dores articulares e dores nas costas, até entorses  e contusões após partidas esportivas.

            Tem como principais riscos e efeitos colaterais: gastrite úlcera, problema renal, hipertensão e diabetes. Deve se que tomar mais cuidado pelo risco de lesão renal em idosos, pessoas com doenças de coagulação no sangue, e alérgicos a ácido acetilsalicílico.

            Possui apresentação via oral em comprimidos, cuja dose usual é de 100 a 150 miligramas por dia, assim é usualmente usado na dosagem de 50 miligramas 3 vezes por dia. Existem outros formulações mais modernas onde é utilizado um comprimido por dia.

            Este medicamento existe na formulação oral, em comprimidos (seja o Alginac, tandrilax, Mioflex, Cataflan e Voltarem), como na formulação em creme, gel e spray do cataflam ou volaren, muito eficaz no uso esportivo e a formulação injetável intramuscular, famosa nos pronto-socorros.

            O diclofenaco não deve ser utilizado por crianças, mulheres amamentando e gestantes pois ele pode levar a complicações gestacionais graves.

            Ele é um antiinflamatório e não antibiótico, ou seja ele não possui capacidade de matar bactérias, sendo utilizado apenas como medicamento sintomático em quadros infecciosos.

            Os principais efeitos colaterais do uso deste medicamento são dores no estômago, aumento da pressão arterial, diarreia, náuseas, vômitos e alergia, sendo estes últimos menos frequentes.

            Existe um risco no uso de anti-inflamatórios como este. Esses medicamentos devem ser evitados no uso contínuo ou prolongado, tendo como sugestão um uso máximo por 5 dias. Pelo risco de gastrite, úlceras no estômago e até sangramentos graves que podem levar até a morte.

            Agora indo ao que interessa, o que modifica de uma marca para outra deste medicamento? Como escolher o melhor?

            Como já citado anteriormente, não são todas as marcas que possuem na formulação injetável e spray, como no caso do voltarem e cataflam. Já os medicamentos Alginac 1000, Tandrilax, Mioflex A e tantos outros, apresentam outras substâncias que otimizam o efeito do diclofenaco.

            O Alginac 1000 possui complexo B, igual o Citoneurim, que ajuda em dores neuropáticas (onde ocorre inflamação e dor no nervo) como a dor do nervo ciático, por exemplo.

            Já o Mioflex A e o Tandrilax, possuem em um mesmo comprimido, além do diclofenaco, cafeína, relaxante muscular e analgésico, como o paracetamol, agindo de diversas formas no controle da dor.

            Na grande maioria das vezes, o antiinflamatório serve como um medicamento sintomático. Portanto se você tem alguma dor e não sabe a causa, é fundamental que procure um médico para tratar a causa do problema e não apenas seus sintomas.

            Se ficou com alguma dúvida, gostaria de fazer alguma sugestão, ou alguma colocação, escreva abaixo nos comentários.

            Agora se necessita agendar uma consulta, atendo como ortopedista em São Paulo (Itaim Bibi e Higienópolis) e Alphaville (Barueri/Santana de Parnaíba) e por telemedicina.

REFERÊNCIA:

Bula