O que é ? Tipos e Tratamentos de Dorsalgia


Índice

1. O que é a dorsalgia?
2. Sintomas e exames
3. Tratamentos para dorsalgia
4. Referências

1. O que é a dorsalgia?

O termo dorsalgia significa dores nas costas. A dorsalgia assim como outras doenças que acometem a coluna, como cervicalgia e lombalgia, tem prevalência maior em pacientes sedentários ou que realizam atividades físicas de forma incorreta, podendo ser crônicas ou não. Ela está intimamente associada a doenças ocupacionais, principalmente em pacientes que permanecem longos períodos sentados utilizando o computador.

Dor nas costas o que pode ser?

Geralmente ocorre por uma contratura da musculatura dorsal, os rombóides e a musculatura do trapézio são os mais acometidos. Essa contratura pode ocorrer por falta de fortalecimento desses músculos, postura inadequada, estresse, tensão muscular e exercícios repetitivos. Causas estas intimamente associadas com trabalhos sedentários em escritório.

Alguns pacientes ativos que praticam atividades físicas também podem desenvolver a dorsalgia, nestes casos a dor ocorre por um desequilíbrio muscular, tanto por excesso de fortalecimento quanto falta de alongamento dos músculos antagonistas e agonistas. Ou seja existe uma tendência nas pessoas que fazem exercícios como musculação, de fortalecer mais a musculatura anterior do tronco como peitorais e abdômen e menos para musculatura dorsal e lombar.

Algumas outras doenças que podem levar a dorsalgia e deformidade são as fraturas por fragilidade (por osteoporose – mais frequentes em idosos), deformidades de Sprengel (escapula alada), cifose de Scheuermman e escoliose idiopática (mais frequentes em jovens).

Escoliose-na-coluna

2. Sintomas e exames

Ao exame físico percebemos pontos de contratura muscular, identificados como “nós” musculares. Contratura de romboide e contratura muscular trapézio, são as mais frequentes. Quando os pacientes apresentam dor crônica com um ponto de contratura e irradiação para ombros, pescoço ou lombar, estamos provavelmente diante de quadro de síndrome miofascial. Paciente com dor nas costas ao respirar deve ser melhor avaliado, principalmente quando existe sensação de falta de ar, devendo também ser avaliado por um clínico.

A análise do tórax, coluna e altura dos ombros, são fundamentais para observar deformidades como a escoliose, escápula alada e cifose de Scheuermman.

Os exames complementares solicitados são as radiografia panorâmicas (como nas imagens), que permitem avaliar o alinhamento global da coluna, ressonância magnética que permite avaliar com detalhes as estruturas moles e ósseas e eventualmente a tomografia. Exames dos membros inferiores podem ser indicados principalmente quando se suspeita de uma diferença entre as pernas, levando a um desalinhamento das estruturas acima delas, como no caso a coluna.

Coluna torácica e seus diagnósticos diferenciais

Como a coluna torácica apresenta muita pouca mobilidade por conta dos arcos costais, mesmo em quadro de artrose, observamos com uma menor frequência hérnias discais e dores relacionadas. Em raros casos onde ocorre uma hérnia discal torácica, o paciente costuma apresentar dor irradiada para o tórax. Tratando-se de um problema raro, é extremamente importante diferenciar de outros problemas torácicos, como infecções pulmonares, problemas cardíacos, herpes zoster, entre outros.

É fundamental lembrar que dores na parte da frente do tórax e irradiação para os braços, principalmente o esquerdo podem ser sintomas de infarto do miocárdio (coração), devendo ser avaliado com urgência por um clínico para que o tratamento seja precoce.

Medicao-da-escoliose-na-coluna

Agora que você sabe dorsalgia o que é, vamos ao tratamento dela….

3. Tratamentos para dorsalgia

O tratamento da dorsalgia apresenta dois principais pilares, utilizando os medicamentos como forma de controlar o quadro agudo e resolução da contratura como relaxantes musculares, anti-inflamatórios e analgésicos. O segundo pilar consiste na utilização de medidas físicas para um tratamento mais efetivo a longo prazo.

É importante lembrar que as medicações tem apenas função a curto prazo não tratando a causa raiz do problema, para tanto, as terapias físicas são mais relevantes para o tratamento da causa do problema. Entre elas podemos citar a fisioterapia, RPG e pilates, adaptação da postura no local de trabalho e de atividades trabalhos de fortalecimento e alongamento muscular compensando as deficiências individuais.

A utilização da acupuntura e a terapia de ondas de choque auxiliam na analgesia e liberação miofascial, mas não corrigem os vícios posturais, desequilibrios musculares, fazendo-se como forma de terapia complementar. Ao melhorar a dor e liberar as contraturas, o paciente consegue colaborar de forma mais efetiva no tratamento com fisioterapia, RPG, Pilates, etc.

Dessa forma com vimos, a melhor forma de tratar a dorsalgia é com tratamento preventivo, fazendo atividades físicas regulares, corrigindo a postura no local de trabalho e em casa, alongando e fortalecendo de forma equilibrada a musculatura do tronco, e tratando precocemente quando instauradas as contraturas musculares.

4. Referências

–Dor nas costas: sintomas e causas (em inglês)

–Dor nas costas superior (em inglês)

–As causas da dor nas costas (em inglês)

–Incidência de dor nas costas (em inglês)