Lesão Manguito Rotador


Índice

1. Lesão no Manguito Rotador: O que é Ruptura e Tendinite? Quais exercícios?
2. O que é o manguito rotador?
3. Síndrome do manguito rotador – Causas
4. Sintomas da lesão do manguito rotador
5. Lesão do manguito rotador: Como é feito o diagnóstico
6. Tratamento da lesão no manguito rotador
7. Prevenção
8. Referências

1. Lesão no Manguito Rotador: O que é Ruptura e Tendinite? Quais exercícios?

A lesão no manguito rotador, também relacionada à síndrome do impacto no ombro, é uma alteração nos músculos e tendões estabilizadores do ombro, gerando dor de várias intensidades. Ela pode ocorrer em todas faixas etárias, mas principalmente nas pessoas acima de 40 anos.

2. O que é o manguito rotador?

Manguito rotador é o nome dado ao conjunto de músculos formado pelos músculos infraespinhal, redondo menor, subespcapular e supraespinhal (e seus tendões) posicionados no ombro humano, onde:

Possibilitam movimentos de rotação externa e interna

Permitem movimentos de abdução e elevação

Conferem estabilidade aos movimentos, são estabilizadores dinâmicos articulares

A lesão no manguito rotador pode gerar dores e restrições de movimentos, entre outros sintomas.

3. Síndrome do manguito rotador – Causas

São causas da síndrome do manguito rotador:

  • Desgaste progressivo do tecido dos músculos e tendões do ombro
  • Alterações estruturais provocadas por impactos na região (principalmente o impacto no acrômio)
  • Baixa irrigação sanguínea no local (conhecida como zona crítica de Codman)
  • Luxações e fraturas
  • Desenvolvimento de calcificações ósseas (tendinite calcária)
  • Esforços repetitivos
  • Inflamações diversas
  • Doenças reumáticas e metabólicas

Sem dúvida a tendinite do manguito rotador é a principal causa de dor no ombro em indivíduos de qualquer idade. A ruptura do manguito rotador e a síndrome do impacto seguem logo atrás.

Dessa forma, podem causar a lesão de manguito rotador aqueles exercícios em academia quando feitos de forma inadequada, o esforço repetitivo nas linhas de montagem e embalagens de fábricas, os treinos esportivos, as quedas de moto, etc.

A lista de causas é imensa, por isso, nem sempre é possível detectar aquela que é a verdadeira só de bater os olhos. Para um diagnóstico preciso é necessário realizar alguns exames específicos.

4. Sintomas da lesão do manguito rotador

São sintomas da lesão no manguito:

  • Dor no ombro
  • Desconforto
  • Inchaço (edema ou derrame articular) no ombro (em alguns casos)
  • Restrição de movimentos no ombro
  • Perda de força e dificuldade de elevação

Geralmente, a dor, o desconforto e a restrição de movimentos no ombro pioram no período noturno.

imagem-lesao-manguito

5. Lesão do manguito rotador: Como é feito o diagnóstico

A avaliação dos pacientes com suspeita da síndrome do manguito rotador devem ser submetidos à:

  • Anamnese (reconhecimento da história clínica do paciente): procurando fatores de risco para a lesão, sinais e sintomas da lesão
  • Exames físicos: testes de função muscular, estabilidade e impacto. Como o testes de Jobe e Neer, que são fundamentais para avaliar a lesão do supraespinhal, diferenciando a força, dor e impacto subacromial. O teste de Jobe é um teste ativo onde se pede ao paciente para elevar o ombro contra resistência, já o teste de Neer é um teste passivo, onde o examinador faz a elevação do braço do paciente e o paciente pode referir dor.
  • Exame de raio-X: utilizado para avaliar a presença de calcificações nos tendões, artrose e deformidades articulares.
  • Ultrassonografia: permite avaliar os tendões do manguito, mas depende da habilidade do médico e qualidade do equipamento.
  • Exame de ressonância magnética: permite avaliar o manguito da mesma forma que o ultrassom, mas com precisão maior e de mais estruturas. É considerado o padrão-ouro na avaliação das lesões do manguito.

Exame de tomografia computadorizada: Menos utilizados nessa doença.

Na maioria das vezes, um exame de raio-X pode solucionar a questão. Entretanto, em alguns casos é necessária a realização de exames mais complexos como o da ressonância magnética, por exemplo.

Tão logo, porém, a causa é descoberta, parte-se para o tratamento.

MAnguito-rotador-pexels-karolina-grabowska-4506217

6. Tratamento da lesão no manguito rotador

O tratamento das lesões do manguito rotador dependem de dois princípios: tratamento da lesão em si e o tratamento da disfunção biomecânica que ocasionou o problema. Desta forma, a lesão do manguito rotador deve ser tratada das seguintes formas:

Tratamento Clínico: voltado para reequilibrar a musculatura do ombro e fortalecer a mesma, corrigindo o problema biomecânico, bem como analgesia do paciente:

  • Com medicamentos: analgésicos e anti-inflamatórios
  • Fisioterapias: terapias analgésicas (acupuntura, TENs), reequilíbrio postural (RPG) e fortalecimento (Pilates e musculação)
  • Para atividades laborais e esportivas: reeducação postural e do gesto esportivo (ensino da movimentação adequada para cada situação)

Cirurgias: operações minimamente ou invasivas, com o objetivo de tratar a lesão em si. Atualmente optamos por cirurgias artroscópicas, que apresentam uma melhor recuperação e menor índice de complicações. Nesta cirurgia é feito o reparo da ruptura com pontos internos e âncoras fixadas ao osso, por meio de câmeras de fibra óptica e pinças especiais. Através deste mesmo procedimento é possível realizar a correção de deformidades ósseas presentes na síndrome do impacto e a artrose acrômio-clavicular.

Medicina regenerativa: Terapias que estimulam a cicatrização e regeneração das lesões. As mais conhecidas são a Terapia de Ondas de Choque, que tem resultados muito bons principalmente quando associado à uma tendinite calcárea (calcificação dentro do tendão) e a infiltração com ácido hialurônico, que também tem mostrado resultados bons em artigos científicos. Existem e outras promissoras, mais ainda sem liberação pela ANVISA.

A dor e as restrições provocadas pela síndrome do impacto no ombro não apenas reduzem a qualidade de vida de uma pessoa como também pode ser a causa de outra doença mais profunda. Por isso, é fundamental realizar o diagnóstico e o tratamento o quanto antes possível.

7. Prevenção

Exercícios para o manguito rotador

Os músculos do manguito rotador fazem principalmente movimentos de rotação do ombro, desta forma, para fortalecer e aliviar as dores é importantíssimo que o paciente realize os exercícios para manguito rotador como a rotação interna e rotação externa com o braço próximo ao corpo.

Eventualmente os tendões do supraespinhal, infraespinhal, redondo menor e subescapular podem ser sobrecarregados por fraquezas em outros músculos e falta de mobilidade articular. Desta forma, é importante fortalecer os músculos periescapulares, como trapézio, rombóides e serrátil anterior a fim de tornar uma base estável para o funcionamento do ombro. Exercícios de mobilidade e alongamento também são fundamentais para o alívio do manguito.

Manguito rotador na academia

O aquecimento do manguito e dos demais músculos acima citados são fundamentais para qualquer rotina de treinamento para os membros superiores, tanto para a melhora da função quanto para a melhora dos sintomas.

Espero que tenha ajuda a solucionas suas dúvidas, se persiste com alguma, escrava abaixo nos comentários, ficarei feliz em poder ajudar! Caso necessite de uma cirurgia, atendo em São Paulo (Higienópolis e Itaim Bibi) e em Alphaville (Barueri e Santana de Parnaíba).

Dr. Oliver Ulson

8. Referências

-Lesão do Manguito Rotador

-Tratamentos para lesão no Manguito Rotador

-Rompimento no Manguito Rotador