Description: C:\Users\Lourenço\Desktop\MKT Digital\Ortopedista em São Paulo\Imagens\Tylenol.jpg

O paracetamol é um dos remédios mais utilizados no mundo, em outros países como nos Estados Unidos, ele também pode ser encontrado com o nome de acetaminofeno.

Ele serve como antitérmico e analgésico ou seja é utilizado para diminuir a febre e para controle da dor. É comumente utilizado para dores articulares, dores no corpo, dores de cabeça, utilizado após cirurgias e como medicação auxiliar em dores mais intensas.

            Aqui vale uma ressalva, o tylenol serve como um medicamento sintomático, ele não se propõem a tratar ou curar nenhuma doença e sim apenas tratar seus sintomas.

            Tem como apresentação em comprimidos ou gotas, as doses mais utilizadas em comprimidos são de 500 miligramas de 6 em 6 horas e 750 miligramas de 8 e 8 horas. Assim a dose máxima segura a ser administrado de paracetamol por dia é em torno de 2 g, para a medicação gotas é utilizada a dosagem de uma gota por quilo de peso corporal até 40 gotas, de 8 em 8 horas.

            A medicação passa a fazer efeito no organismo em torno de 30 a 60 minutos e tem um tempo de duração em torno de 6 a 8 horas. O paracetamol é um medicamento muito utilizado, pois é seguro quando indicado na dose certa, é barato e eficaz, podendo ser comprado sem receita médica nas farmácias.

            Ele pode ser utilizado de forma isolada ou associado com anti-inflamatórios como o tandrilax  e mioflex (associação com diclofenaco), ou analgésicos opióides como a como o Tylex (associação com codeína) e Paratram (associação com tramadol).

            O paracetamol é um dos medicamentos mais seguros para a utilização em gestantes, lactentes e crianças nos casos de dor e febre .

            O principal risco do uso indiscriminado do paracetamol é a hepatite, e eventualmente a alergia. Como comentado anteriormente, o risco de hepatite é em pessoas que já possuem algum problema no fígado, e pessoas que fazem uso de mais de 2 g e meia de paracetamol por dia, ou ingerem mais de um comprimido de uma vez.

            Aqui eu faço uma observação, pois como ele é comum em associação com outros medicamentos, como Tandrilax, Mioflex A, Paratram, Tylex e Paco, a associação destes medicamentos não deve ser feita pelo risco de superdosagem.

            Pensando em evitar situações como essa, o tylenol pode ser substituído pela dipirona que também possui efeito analgésico e antitérmico.

            Nos casos onde exista o risco de superdosagem ou reação alérgica, é importante que a pessoa procure o mais rápido possível um atendimento médico adequado, em um hospital. Medidas caseiras podem levar a um atraso no atendimento médico, podendo levar a complicações mais sérias .

            De uma forma geral, o tylenol é um medicamento que eu utilizo bastante no dia-a-dia, para os meus pacientes, seja a forma isolada ou combinada com outros medicamentos, tanto para dores crônicas quanto agudas.

            A utilização do paracetamol de forma combinada otimiza o efeito analgésico de outros medicamentos necessitando de doses mais baixas, e possui menos efeitos colaterais nocivos ao organismo que anti-inflamatórios no uso crônico.

            Se ficou com alguma dúvida, gostaria de fazer alguma sugestão, ou alguma colocação, escreva abaixo nos comentários.

            Agora se necessita agendar uma consulta, atendo como ortopedista em São Paulo (Itaim Bibi e Higienópolis) e Alphaville (Barueri / Santana de Parnaíba) e por telemedicina.

REFERÊNCIA:

-Página Oficial

Entre em contato